A Mulher no Começo do Século

.

.

No Manhattan Connection de domingo passado, veio à tona em meio aos comentários sobre a jornalista Lara Logan, correspondente da CBS e repórter do programa “60 Minutos”, que foi sexualmente agredida no Cairo, a descortesia, a deselegância e a selvageria com que as mulheres são tratadas no oriente médio.  No entanto, lembrei que também há em nosso meio um tratamento promíscuo embutido na indústria do entretenimento que é dado às nossas mulheres. A mídia às trata de forma rasa e as transforma em personagem principal do circo pornográfico da música e da dança em voga, e a masculinidade adora quando muitas se entregam ao escárnio sob pretexto de diversão ou vida artística.

Este post é uma homenagem e um reconhecimento à perseverança com que as mulheres  foram galgando o seu espaço numa sociedade arraigadamente machista, para ter, primordialmente, seu lugar ao sol e não para continuar sendo um objeto. Não se trata de conquista do movimento feminista, mas da mulher mesmo.

Flor em jardins só de folhas, nuvem branca em céus só azuis, gaivota em praias só de ondas, vida multiplicada em existências de solidão. Elas significam exatamente isso.

Separei imagens lá do início, quando  já começavam a se espalhar pelos espaços. Espero que estas conquistas sejam reverenciadas tanto por eles quanto por elas.

.

.

 

 

 

 

 

 

 

.

Referências de pesquisa: Flickr.com,

COLEÇÕES SMITHSONIAN, Arquivo Nacional, Jornal Folha, Biblioteca de Padrões Standart.

Outras propostas

.

.

assine o feed twiter

.

 

Anúncios

5 Respostas to “A Mulher no Começo do Século”

  1. Miguel Says:

    Obrigado pelas informações maravilhosas e generosas que encontrei neste site EXTRAORDINÁRIO!
    Que permaneça por muuuito tempo ‘ONLINE’
    Miguel / SP

  2. Sergio Says:

    Muito bom saber sobre a evolução das Mulheres. EXCELENTE!
    Sergio / RJ

  3. a industria da moda chegou e colocou as suas roupas atraentes na vitrini ninguem obriga a niguem de usa_las ,so que ao usa_las as mulheres costumao mostrar mais do que se deve,eu nao sou frigido tenho muito tesao guando vejo 1 mulher vestida c/ roupas legais ,sabe a quem as mulheres devem pedir respeito etc…as outras mulheres que gostao de se exibir de mostrar os peitoes ,os bundoes os vaginoes e e, e e isto mesmo tem umas que vao em areas publicas transar ,e sentao na frente das cameras sem calcinha ,as mulheres sao as principais inimigas do respeito e do bom conportamento desde as famosas ate as fudionas do big broder

  4. a industria da moda chegou e colocou as suas roupas atraentes na vitrini ninguem obriga a niguem de usa_las ,so que ao usa_las as mulheres costumao mostrar mais do que se deve,eu nao sou frigido tenho muito tesao guando vejo 1 mulher vestida c/ roupas legais ,sabe a quem as mulheres devem pedir respeito etc…as outras mulheres que gostao de se exibir de mostrar os peitoes ,os bundoes os vaginoes e, e isto mesmo tem umas que vao em areas publicas transar ,e sentao na frente das cameras sem calcinha ,as mulheres sao as principais inimigas do respeito e do bom conportamento desde as famosas ate as fudionas do big broder

  5. Amei. Principalmente por ter partido de um homem que entende do valor do ser humano, independente de ser masculino ou feminino!Parabéns!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: