Armas Estranhas

.

albert Einstein escreveu em 1939 ao presidente dos Estados Unidos, Franklin Roosevelt, uma carta onde se mostrava preocupado com a possibilidade de Hitler dominar a tecnologia nuclear antes dos EUA. Roosevelt aumentou os investimentos em pesquisas e iniciou, em 1942, o Projeto Manhattan, voltado ao desenvolvimento da bomba atômica.
Este é um dos episódios da história do desejo do homem pelas armas e pelo poder que elas representam. No entanto, durante a criação de projetos e fabricação de armas surgiram muitos modelos e funções esdrúxulas. Aparência e tamanho deixaram algumas encalhadas antes mesmo do combate. Na postagem anterior falei do Chindogu, invenções que mais parecem gambiarras e mostrei algumas gambiarras criadas para determinados serviços. Nas imagens abaixo podemos ver que na guerra não foi diferente. Armas estranhas, exageradas e de funções duvidosas.

Imagens Aqui


.

Veja também
A arte da guerra

Anúncios

4 Respostas to “Armas Estranhas”

  1. Parabéns pelo Blog

  2. O PAVA está fazendo uma Newsletter só para blogueiros e dessa vez é sério.

    Para entrar na lista basta me enviar um e-mail com seu Nome, E-mail e Endereço de Blog e Data de Aniversário para:

    amigodopava@gmail.com

    Obrigado!

  3. Não perco a oportunidade de dar uma passadinha por aqui e sempre adquirir um pouco mais de conhecimento sobre algum assunto. O blog é muito bom. Grande abraço, parceiro.

  4. Venho aqui pela primeira vez e devo dizer que fiquei impressionado. Vai para a minha lista de links, que até é bastante selecta. Um abraço de Cabo Verde.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: