The Beatles

.

ouco sabemos dos mistérios e brincadeiras do mundo artístico, assim como quando nos damos de cara com eles, não sabemos como reagir, ou em que acreditar, foi o que ocorreu em meados dos anos 60 com a banda The Beatles, quando foi anunciado por uma radio de Detroit o maior e mais duradouro boato da história da música.

Surgiram boatos que Paul McCartney teria sofrido um acidente de carro em 1966, causando sua morte devido ao esmagamento do crânio, sendo substituído na banda por um sósia, ganhador de um concurso para substituí-lo, chamado William Campbell. O que de fato ocorreu foi que o Beatle sofreu um acidente de moto, porém, houve apenas um dente quebrado e um corte no lábio inferior, que deixou uma cicatriz, aumentando mais ainda os boatos.

Vários artigos de revistas, livros e noticiários falavam sobre a suposta morte de Paul McCartney e os integrantes da banda, vendo que o boato havia tomado rumos estratosféricos, a própria banda direcionou seu marketing para o acidente, colocando pistas principalmente em capas de CD’s, desde o disco Rubber Soul, passando por Revolver, Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band, Magical Mistery Tour, White Album, Yellow Submarine e Abbey Road. Os mais enfáticos foram Sgt. Pepper’s e Abbey Road.

Na capa do Sgt Pepper´s, onde claramente há um funeral, tem a presença da deusa hindu da morte, Kali, em frente ao nome “Beatles”, além de vários personagens ilustres. Aqui ele estão mais novos, ou seja, antes do acidente, e vestidos de preto. Na foto da contracapa todos olham pra frente, enquanto Paul olha pra trás. Entre outras pistas estão as músicas, que fazem apologia clara ao acidente e à morte de Paul. Como na última faixa do disco, “A Day In The Life“: “He blew his mind out in a car, he didn’t notice that the lights had changed” (Ele perdeu a cabeça num carro, não percebeu que o semáforo tinha mudado).

Já na capa do Abbey Road, eles aparecem encenando um cortejo fúnebre: John Lennon vestido de branco, é o pregador, Ringo de luto, é o amigo do defunto. George Harrison, vestido com roupa informal: é o coveiro. Paul é o único dos quatro que está descalço e caminha com os olhos fechados e em muitas culturas orientais, os defuntos são enterrados descalços, além do que Paul era canhoto e nessa capa aparece segurando um cigarro com a mão direita. Há também um carro preto fúnebre estacionado ao lado direito da foto e um carro branco do outro lado onde tem na placa “28 IF” que seria 28 SE, Paul teria 28 anos se estivesse vivo.

Toda a história foi bem contada e rendeu muito sucesso aos Beatles, já que devido à curiosidade mais e mais pessoas se interessavam em escutar as músicas para procurar algo suspeito e sempre gostavam. O caso terminou quando o boato gerou tanto barulho, que em 1969 o próprio Paul McCartney convocou uma coletiva de imprensa pra negar toda a historia e provar que estava vivo. Até hoje foi um dos boatos mais geniais e artisticamente explorado, que rendeu muita fama aos Beatles.
.

Imagens Aqui
.

.

.

assine o feed twiter

3 Respostas to “The Beatles”

  1. Nesta foto não se vê muito bem pois é pequena, mas fiquei à pouco tempo a saber que o homem que está ao pé do carro preto é o fotógrafo desta imagem, Ian McMillan.

  2. […] – Palavras Berlim: Tropa de Elite leva o Urso de Ouro (2008) – Forense Contemporâneo The Beatles – Imagens & Letras CursinhoWeb – Para tirar de letra o Vestibular – Arquivinho O anticinema de […]

  3. […] – Palavras Berlim: Tropa de Elite leva o Urso de Ouro (2008) – Forense Contemporâneo The Beatles – Imagens & Letras CursinhoWeb – Para tirar de letra o Vestibular – […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: